"Quando o mundo não é projetado para você não é acessível para todos"

terça-feira, 27 de setembro de 2011

FEIRA CONSTRUVALE

Hoje no blog é para comentar um pouco o conceito do stand da DUCA e MONTELE na Feira da Construção no Vale do Paraíba - Construvale 2011.
A idéia foi levar um “pouquinho” da acessibilidade para a região, com alguns conceitos de aplicação dos pisos táteis (alerta e direcional), uma plataforma com todas as especificações solicitadas em normas e leis, um sanitário adaptado para demonstrar a utilização do espaço, placas em braille com informações do stand e rota estratégica no balcão de informação, onde era realizado o atendimento as pessoas com deficiência.

Algumas fotos:


Sanitário acessível

Conceito da aplicação do piso tátil, rota estratégica até a plataforma da Montele

Rota estratégica até acesso a plataforma da MONTELE

Informação do stand em Braille

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

REFLEXÃO DO DIA 21 DE SETEMBRO



21 de setembro Dia de Luta da Pessoa com Deficiência

GANHE O PROJETO DO SEU SANITÁRIO ACESSÍVEL, SAIBA COMO:

Para nós da DUCA, que apoiamos esta causa, o significado deste dia é fundamental.

Então estamos promovendo uma campanha, você que tem algum tipo de deficiência, necessita e deseja ter um sanitário acessível na sua residência, mande para nós as fotos do seu sanitário atual e vamos te presentear com um projeto do sanitário acessível, ajudaremos a encontrar a melhor solução para adaptá-lo.

Mande junto com as fotos um pouco da sua história para conhecermos melhor sua vida, sua rotina e sua deficiência.

Escolheremos 5 inscritos!!

As inscrição começam hoje dia 21/09 e vai até o dia 21/10.

Não perca mais tempo e envie para nós no e-mail:

contato@ducaacessibilidade.com.br

E boa sorte!

terça-feira, 30 de agosto de 2011

DUCA EXPÕE NA FEIRA CONSTRUVALE EM SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

A DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade participará pela primeira vez da CONSTRUVALE - FEIRA DA CONSTRUÇÃO DO VALE DO PARAÍBA, que acontece de 21 a 25 de setembro, no Centro de Exposições do Vale Sul Shopping, em São José dos Campos. A Construvale tem previsão de receber mais de 20.000 mil visitantes, e se consolida como a mais importante feira da Construção Civil no Vale do Paraíba, foi criada em 2005, hoje em sua 7ª edição, enfoca as múltiplas oportunidades que o segmento oferece em lançamentos imobiliários, serviços e produtos para construção civil. Com o foco em resultados, é considerada uma eficiente ferramenta estratégica para impulsionar vendas, fortalecer a imagem da marca, prospectar e fidelizar clientes e assim atingir nichos de mercado e estreitar o relacionamento com o público-alvo e seus colaboradores, no âmbito regional. A Construvale em sua última edição atingiu a marca de R$ 78 milhões de reais em negócios. Um evento em que micro, pequena, média e grandes empresas da região lançam seus projetos e realizam grandes negócios.

Outra novidade do estande da DUCA é a consolidação da parceria com a empresa Montele Elevadores, pioneira na fabricação de plataformas elevatórias, sendo a primeira a oferecer essa solução no Brasil com desenvolvimento e patente em 1991 e a Prefeitura Municipal de São José dos Campos.

Especializada em acessibilidade arquitetônica por meio da aplicação do desenho universal, a DUCA, liderada pela arquiteta Camila Caruso, atende o mercado na criação e adaptação de espaços públicos e privados, tornando-os plenamente acessíveis a todas as pessoas, proporcionando autonomia, conforto e segurança, sempre com um olhar sensível à diversidade humana. Tem como principal diferencial a excelência em seus projetos, oferecendo relatórios detalhados e diagnósticos precisos. Elabora projetos executivos de acessibilidade com riqueza de detalhes e especificações para a execução de reformas e novas edificações. A empresa também oferece acompanhamento técnico durante a obra para garantir a fiel implementação do projeto proposto.

Para a arquiteta Camila Caruso – especialista em arquitetura acessível, a participação da empresa na CONSTRUVALE 2011 proporcionará não somente a expansão dos negócios para a Região do Vale do Paraíba, mas também a oportunidade de expandir a acessibilidade para esta região, que hoje é muito carente nesta área, não tem profissionais especializados e fornecedores que atendam esse mercado dentro dos requisitos das leis vigentes.

“Evidentemente que temos o foco na expansão dos negócios da empresa, mas também queremos sensibilizar com o estande DUCA que terá uma proposta inovadora e vai surpreender os participantes e visitantes da FEIRA”.

SERVIÇO

CONSTRUVALE - FEIRA DA CONSTRUÇÃO DO VALE DO PARAÍBA

Data: 22 a 25 de setembro de 2011

Horário: quinta e sexta-feira das 14h às 22h – sábado e domingo das 10h às 22h·Local: Centro de Exposição do Vale Sul Shopping · Endereço: Av. Andrômeda, 227 - Jd. Satélite - São José dos Campos/SP.

DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade

Estande 209 - referência em frente da praça de alimentação

Mais informações:

Tel.: (11) 2225-1421

Endereço: Rua Professor Filadelfo Azevedo, 642 - Vila Nova Conceição - São Paulo/SP

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Antes e Depois do MC Donald´s

Acompanhe acima o antes e depois da reforma do MC Donald´s da Av. Henrique Schaumann x Rebouças. Projeto de acessibilidade realizado pela DUCA.







quarta-feira, 3 de agosto de 2011

PROJETO DE ACESSIBILIDADE

Acompanhe mais um projeto de acessibilidade da DUCA que está pronto!
Restaurante 24 hs do MC DONALD’S da Av. Henrique Schaumann com Rebouças
Confira algumas fotos:

Sanitário para deficiente

Lavatório com 2 alturas e plataforma da MONTELE

Caixa preferencial e rota estratégica para os principais serviços

Fachada Principal


segunda-feira, 25 de julho de 2011

A CASA ACESSÍVEL


Toda pessoa com deficiência deve sonhar com a casa ideal, um lugar acolhedor e bem acessível. Um local em que ela não tenha que passar pelas mesmas dificuldades que tem que encarar nas ruas, em espaços ainda não adaptados para suas necessidades. Assim, nasceu na arquitetura o conceito de desenho universal (já falamos no blog). Nele, são criados espaços pensados para diferentes necessidades de pessoas com deficiência, mobilidade reduzida, idosos, gestantes, altos, baixos, mais obesos e etc.

Imagine levar este conceito para a sua casa? Mas, todos podem pensar que custa muito fazer adaptações, em uma casa que está sendo construída ou reformada. Segundo o site da DUCA (Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade), não é tão caro construir uma casa adaptada. “Estima-se um acréscimo de apenas 1% no custo das construções que contemplem os itens de acessibilidade. Em contrapartida, pode-se onerar em 25% o custo de uma obra que não promoveu as adequações de maneira adequada”, explica.A arquiteta Camila Caruso, proprietária e sócia da Duca, conta sobre o projeto que fez, um banheiro acessível para uma menina. Camila soube da história de Emilly, pelo fotógrafo Arthur Calazans que tinha feito um ensaio para o blog do Jairo (Assim como você) contando a história dela e resolveu ajudar. Depois de visitar Emilly, a equipe da DUCA percebeu mais dificuldades e resolveram aumentar o escopo do trabalho.

Como na maioria dos banheiros, a porta do banheiro era menor do que 0,80 metros e assim a menina tinha que sair da cadeira fora e ser carregada até o sanitário. As maçanetas não eram alavancas e faltavam barras de apoio próximo ao vaso e no box. Acessórios como pia, interruptor eram altos demais. “Tudo era feito pela mãe, Emilly não tinha autonomia nenhuma. Queríamos dar mais independência para garota ativa”, explica Camila. Logo, aumentaram o vão da porta, colocaram espelho inclinado, vaso projetado para altura certa, banquinho no chuveiro, entre outros.

“O sanitário é o cômodo que consideramos mais relevante no custo, porque as barras e o banco reclinável são de inox (recomendamos), pois é um material caro, mas dá segurança e conforto e segue a Norma NBR 9050”, revelou a arquiteta. Alguns cuidados têm custo baixo: como colocar tapetes no banheiro, deixar espaço de um metro entre os móveis, na cozinha os armários devem ser baixos, mas colocados com espaço para aproximação, camas da altura da cadeira, entre outros.

O projeto da casa de Emily já está pronto, mas a obra deve começar no dia 4 de abril. Camila teve que atrás de parceiros para concluir a obra, e com o projeto abriu uma parte de responsabilidade social da empresa. “Agora, ajudamos diversas pessoas explicando o que fazer com desnível da casa,e outras questões. Tem uma pessoa que trabalha na empresa que fica ao telefone tirando todas as dúvidas”, completa.

Reportagem feita por Tancy Costa do Blog Guia Inclusivo.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

WORKSHOP DE TURISMO E ACESSIBILIDADE

Aconteceu nos dias 18 e 19 de junho o Workshop “Acessibilidade e Inclusão Aplicadas ao Lazer e Turismo” realizada pelas empresas DUCA e Turismo Adaptado. Confira algumas fotos!!

Primeiro dia a Arquiteta Camila Caruso explica como adequar seu espaço de lazer e turismo

No segundo dia o Turismólogo Ricardo Shimosakai explica sobre turismo adapatado

Vivência realizada no curso para sensibilizar os participantes


segunda-feira, 30 de maio de 2011

Sinalizações em Aracaju

A equipe DUCA ficou na cidade de Aracaju por 4 dias, para realizar trabalhos de vistoria em alguns locais e aproveitou para conhecer mais a fundo a acessibilidade local.
Desde o aeroporto se vê a preocupação e ficamos impressionados no trajeto até o hotel o quanto a cidade está em evolução.
E pudemos registrar algumas interpretações e confusões na hora de aplicar os pisos táteis.
Chegando no hotel, logo na entrada o corrimão que percorre todo o desnível e o piso tátil de alerta, comunicando que alí temos que estar em alerta!
Mas aí entra a dúvida, se temos o corrimão (equivocado por sinal) em toda a extensão do desnível, qual a função do piso tátil de alerta? Não seria o direcional? Ou não seria desnecessário, afinal o deficiente visual acompanha o corrimão?



Nesta foto abaixo, vimos a aplicação do piso tátil de alerta em toda a extensão da frente do lote de uma loja famosa de móveis planejados, mas não possui nenhum desnível, nenhuma interferência que possa oferecer risco ao deficiente visual.
Mas podemos pensar de 2 formas, uma que por ser saída de carros, oferece risco, mas que de outra forma impede do deficiente visual entrar na loja, afinal não tem direcional, não leva a lugar nenhum.



Rebaixamentos de Guia


Caixas Eletrônicos


Diversos Estabelecimentos


Sabemos que hoje não são todas as pessoas que estão preparadas para modificar o que sempre foi rotineiro e desconhecido em suas vidas, principalmente ter que seguir leis e normas que por tantas vezes é desconhecida.
Aracaju está sim se desenvolvendo, afinal estão cobrando da população as melhorias, se vê em todo lote estabelecimentos, sejam pequenos, mas que se preocuparam com o acesso das pessoas com deficiência e mobilidade reduzida.
Já é muita coisa em um Brasil, que tudo é difícil, o preconceito, as adequações, os mitos, as dúvidas e desconhecimento total de acessibilidade.




Divulgação do Workshop de Acessibilidade

Alguns lugares que foram divulgados o workshop de acessibilidade e inclusão aplicadas ao lazer e turismo:

Não perca está oportunidade!!




segunda-feira, 16 de maio de 2011

NOVA TURMA DO WORKSHOP EM ACESSIBILIDADE



A DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade, empresa especializada em acessibilidade arquitetônica e a Turismo Adaptado empresa especializada em turismo acessível, nos próximos dias 18 e 19 de junho, realiza o Workshop “Acessibilidade e inclusão aplicadas ao lazer e turismo”. O evento marcará oficialmente o início da parceria das empresas, que nasceu com o objetivo e a missão de atender o mercado no atendimento, criação e segurança, sempre com um olhar sensível à diversidade humana.

Apesar do Workshop utilizar o lazer e turismo como um cenário, os ensinamentos passados podem ser aplicados em qualquer área de nossa sociedade. É um workshop diferenciado, porque além de tratar da parte física e arquitetônica, também mostra o lado do atendimento e hospitalidade, aos diferentes tipos de deficiência, numa abordagem completa e de qualidade. Será fornecido uma apostila para um melhor acompanhamento da aula, além de um livro digital com inúmeros materiais para servirem de apoio para um aprofundamento muito maior nos assuntos abordados.

A DUCA desenvolve seu trabalho pautado na ampla experiência de seus idealizadores, que possuem profundo conhecimento sobre as normas técnicas e a legislação vigente. Presta consultoria especializada na área de acessibilidade arquitetônica, aplicando de maneira diferenciada o conceito de desenho universal. Dentre seus produtos destacam-se as vistorias técnicas – que resultam em relatórios detalhados, a consultoria – com a análise de projetos existentes, elaboração de projetos executivos de acessibilidade, o acompanhamento da obra, providências para emissão de Certificado de Acessibilidade da edificação, workshops, palestras, entre outros.

A TURISMO ADAPTADO comandada por Ricardo Shimosakai, que depois de ter levado um tiro em 2001 num sequestro relâmpago queria retornar à suas viagens que sempre lhe trouxeram muito momentos de prazer. A partir daí começou sua luta, e a vontade de espalhar esse prazer a todos. Bacharel em Turismo pela Universidade Anhembi Morumbi/ Laureate International Universities e atua desde 2004 no segmento de Turismo Acessível. Diretor da Turismo Adaptado, membro da Brazilian Adventure Society, SATH (Society for Accessible Travel and Hospitality) e ENAT (European Network for Accessible Tourism). A Turismo Adaptado é uma das únicas empresas brasileiras especializada em turismo acessível, adequando as diversas faces que compõem a infra-estrutura do mercado turístico e elaborando pacotes turísticos acessíveis para diversos destinos brasileiros, além de também trabalhar o turismo internacional.

Dia 18 de junho (sábado) – Acessibilidade e Adequações - Quem são as pessoas com deficiência e mobilidade reduzida? Definições e Classificações; - Tecnologia Assistiva; - Princípios básicos de acessibilidade; - Implementação da acessibilidade arquitetônica em locais de hospedagem; - A importância e criação da rota estratégica; - Exercícios práticos; - Sensibilização; - Elaboração de trabalho final do curso

Dia 19 de junho (domingo) – Inclusão e Hospitalidade - Compreendendo o conceito de inclusão - Hospitalidade inclusiva – atendimento à pessoa com deficiência - Elaborando um plano turístico acessível - Acessibilidade em espaços protegido naturais e históricos - Comunicação acessível na prestação de serviços - Estudo de casos de sucesso no Brasil e exterior - Exercícios e dinâmicas para sedimentação do conhecimento

Local do Curso: Rua Serra de Bragança, 1055 – Térreo – Auditório (próximo à estação Carrão do Metrô) Data: 18 e 19 de junho de 2011 Horário: 9h00 às 18h00 Investimento Estudantes / Profissionais: R$250,00 Inscrição e informações: curso@ducaacessibilidade.com.br ou tel.: (11)2225-1421


terça-feira, 10 de maio de 2011

ENDEREÇO NOVO



A DUCA "Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade" está com endereço novo para melhor atendê-lo.
Mais acessível e sustentável!

Rua: Professor Filadelfo Azevedo, 642 - Vila Nova Conceição
Cep.: 04508-011
São Paulo/SP


Os telefones continuam os mesmos.
(11) 2225-1421 e (11) 2093-6752

Aguardamos sua visita!

terça-feira, 19 de abril de 2011

VENCEDORES DOS PRÊMIOS SORTEADOS NO ESTANDE DA DUCA NA REATECH 2011

PRÊMIOS:


Camiseta + Livro "Simplesmente Diferente (com audiodescrição) de Monica Picavêa:


- Larissa Thaís Bernadochi

- Marcelo Rossa

- Ana Cristina Y. Kina

- Rosangela A. de Oliveira

- Rosmari Daroz

- Tanaki Nayar

- Thiago Toshio Leite

- Isabelle O. Polezel

- Silvana Amorim

- Maria Gabriela M. Rodrigues

- Ricardo Shimosakai


E o prêmio mais desejado: 1 diária completa para 2 pessoas no HOTEL FAZENDA CAMPO DOS SONHOS EM SOCORRO/SP.


- Graciele Beleze


Parabéns a todos os ganhadores e agradecemos a presença no estande da DUCA!!!!


Obs.: Entraremos em contato com todos via telefone para a entrega dos prêmios.


segunda-feira, 18 de abril de 2011

EMILLY E CLEIDE


Emilly e Cleide

É com grande orgulho que dedico essa página a vocês!!
O que existe entre nós, não importa a ninguém!
Os valores, a amizade, o respeito e carinho reservamos aos nossos momentos e as nossas vidas!
Por que o que temos vai muito além de uma foto estampada em qualquer lugar, é estar presente nos momentos mais importantes de nossas vidas, e isso só cabe a nós!!
Obrigada pela amizade, pelo carinho e pela confiança!!
Admiro você Cleide, e eu sendo mãe, sei que somos capazes de enfrentar tudo e todos!!!!
Só nós sabemos o que é melhor para nossos filhos!!!!!
Lute, lutaremos e venceremos!!!!!! Estou do seu lado sempre!!!
Um grande beijo!!!
Camila Caruso

AGRADECIMENTO!!!


Estande da DUCA na FEIRA REATECH 2011!!!!
Que contou com a presença de várias pessoas especiais, queridas e parceiras.
Deixamos aqui o agradecimento pela visita dessas pessoas, que acompanham diariamente o trabalho que a Empresa DUCA desenvolve, com muita seriedade, dedicação e respeito a causa.
Muito obrigada!!!





segunda-feira, 11 de abril de 2011

DUCA sorteará diária grátis em Hotel Fazenda Adaptado na REATECH 2011

DUCA sorteará diária grátis em Hotel Fazenda Adaptado na REATECH 2011

O Hotel Fazenda Parque dos Sonhos oferece atendimento, serviços, estrutura e lazer diferenciados às pessoas com deficiência e mobilidade reduzida.

A DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade, sorteará, durante a REATECH – Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade, que acontece de 14 a 17 de abril, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo, uma diária grátis (com direito a acompanhante) no Hotel Aventura Parque dos Sonhos, localizado na cidade de Socorro, interior de São Paulo. Os felizardos também poderão desfrutar de um dia inteiro de lazer e recreação, com mais de 14 atividades diferenciadas de aventura e natureza, numa área de 400 mil m².

O Hotel Fazenda Parque dos Sonhos prima pela atenção e o respeito à diversidade humana. São oferecidos serviços, estrutura e atendimento diferenciado às pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, que tem à sua disposição: acomodações adaptadas, rampas de acesso, sinalização tátil horizontal e vertical, cardápio e mapa em Braille e estacionamento privativo. Além disso, são oferecidas diversas atividades de aventura adaptadas como rapel, tirolesa e bóia-cross, que podem ser desfrutados por cegos, pessoas com baixa visão, cadeirantes, amputados, entre outros.

A DUCA participará pela primeira vez da feira, que é considerada a 3ª maior do segmento de Acessibilidade e Inclusão no mundo e a maior da América Latina. São esperadas mais de 40 mil pessoas durante os quatro dias do evento, que celebra seu 10º aniversário. Segundo os organizadores do evento, esse mercado movimenta mais de R$ 1 bilhão e meio de reais anualmente.

Especializada em acessibilidade arquitetônica por meio da aplicação do desenho universal, a DUCA, liderada pelos arquitetos Camila Caruso, Marcelo Todescan e Frank Siciliano, atende o mercado na criação e adaptação de espaços públicos e privados, tornando-os plenamente acessíveis a todas as pessoas, proporcionando autonomia, conforto e segurança, sempre com um olhar sensível à diversidade humana.

SERVIÇO

Sorteio Diária / Hotel Fazenda Parque dos Sonhos

10ª REATECH / DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade

Estande E 78/E 80 – Rua 600

Data: 14 a 17 de abril de 2011
Horário: quinta e sexta-feira das 13h às 21h – sábado e domingo das 10h às 19h·Local: Centro de Exposições Imigrantes · Endereço: Rodovia dos Imigrantes, km 1,5

Mais informações:

Tel.: (11) 2225-1421

e-mail: contato@ducaacessibilidade.com.br

Hotel Fazenda Parque dos Sonhos

Estrada dos Sonhos, km 06 - Bairro das Lavras de Baixo

Corredor Turístico das Lavras de Baixo - Socorro/SP

www.parquedossonhos.com.br

A DUCA nas Redes Sociais:

Facebook: www.facebook.com/duca.acessibilidade

Twitter: www.twitter.com/ducaconsultoria

Blog: www.ducaacessibilidade.blogspot.com

quinta-feira, 31 de março de 2011

PARTICIPAÇÃO NA FEIRA DE ACESSIBILIDADE - REATECH 2011

DUCA Consultoria participa da maior Feira de Acessibilidade da América Latina – REATECH 2011

A empresa fará sua estréia no evento, que neste ano comemora seu 10º aniversário.

A DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade participará pela primeira vez da REATECH – Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade, que acontece de 14 a 17 de abril, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. São esperadas mais de 40 mil pessoas ao longo dos quatro dias do evento, que celebra seu 10º aniversário. A Reatech é considerada a 3ª maior feira de Acessibilidade e Inclusão do mundo e a maior da América Latina. Segundo Rodrigo Rosso, diretor da Feira, esse mercado movimenta mais de R$ 1 bilhão e meio de reais anualmente, e com a eminência da realização de uma Copa do Mundo de Futebol (2014) e de Jogos Olímpicos e Paraolímpicos (2016) no Brasil, tende a expandir ainda mais. Outra novidade do estande da DUCA é a parceria com a empresa Montele Elevadores, pioneira na fabricação de plataformas elevatórias, sendo a primeira a oferecer essa solução no Brasil com desenvolvimento e patente em 1991.

Especializada em acessibilidade arquitetônica por meio da aplicação do desenho universal, a DUCA, liderada pelos arquitetos Camila Caruso, Marcelo Todescan e Frank Siciliano, atende o mercado na criação e adaptação de espaços públicos e privados, tornando-os plenamente acessíveis a todas as pessoas, proporcionando autonomia, conforto e segurança, sempre com um olhar sensível à diversidade humana. Tem como principal diferencial a excelência em seus projetos, oferecendo relatórios detalhados e diagnósticos precisos. Elabora projetos executivos de acessibilidade com riqueza de detalhes e especificações para a execução de reformas e novas edificações. A empresa também oferece acompanhamento técnico durante a obra para garantir a fiel implementação do projeto proposto.

Para a arquiteta Camila Caruso – especialista em arquitetura acessível, a participação da empresa na Reatech 2011 proporcionará não somente a expansão dos negócios, mas também a oportunidade de ouvir as pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. “Estamos muito ansiosos em participar da feira. Evidentemente que temos o foco na expansão dos negócios da empresa, mas também queremos conversar com os freqüentadores e ouvir as suas sugestões e dificuldades. Trata-se de uma grande oportunidade de mostrarmos que não se trata apenas de colocar uma rampa ou adaptar um banheiro. O desenho universal é um conceito extremamente amplo e não se restringe apenas a acessibilidade. Tentar se colocar no lugar do outro é um ótimo exercício”, comenta Camila.

DUCA e Montele Elevadores

A Montele Elevadores, empresa especializada na fabricação de plataformas elevatórias, é parceira da DUCA na 10ª edição da Reatech. “Temos ótimos parceiros e colaboradores. Empresas como a Montele, que possuem expertise na área que atuam, valorizam ainda mais o nosso trabalho perante os clientes”, ressalta Marcelo Todescan. Já para Frank Siciliano, o evento marca uma nova fase da empresa no ainda pouco explorado ramo da arquitetura acessível. “Felizmente temos percorrido várias cidades, principalmente aquelas que serão sede ou apoio da Copa do Mundo de Futebol (2014), e temos constatado que empresas do ramo hoteleiro, de entretenimento e comércio em geral, têm procurado se adaptar para expandir os seus negócios e atender à legislação vigente”, comenta Siciliano.

SERVIÇO

10ª Reatech – Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade

Data: 14 a 17 de abril de 2011
Horário: quinta e sexta-feira das 13h às 21h – sábado e domingo das 10h às 19h·Local: Centro de Exposições Imigrantes · Endereço: Rodovia dos Imigrantes, km 1,5

DUCA – Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade

Estande E 78/E 80 – Rua 600

Mais informações:

Tel.: (11) 2225-1421 e (11) 9631-6684

Endereço: Rua Serra de Bragança, 1055 – 7º andar / Cj. 704

Outros serviços:

A DUCA também oferece outros serviços, como: Cursos de Acessibilidade, Workshops e Palestras de Sensibilização. Confira os detalhes no site: www.ducaacessibilidade.com.br

A DUCA nas Redes Sociais:

Facebook: www.facebook.com/duca.acessibilidade

Twitter: www.twitter.com/ducaconsultoria

Blog: www.ducaacessibilidade.blogspot.com

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Lançamento do Workshop “ACESSIBILIDADE E INCLUSÃO APLICADAS AO LAZER E TURISMO"

A Duca - Desenho Universal Consultoria em Acessibilidade, empresa especializada em acessibilidade arquitetônica e Turismo Adaptado, empresa especializada em turismo acessível, nos próximos dias 15 e 16 de abril, realiza o Workshop “Acessibilidade e Inclusão Aplicadas ao Lazer e Turismo”. O evento marcará oficialmente a parceria das empresas, que nasceu com o objetivo e a missão de atender o mercado no atendimento, criação e segurança, sempre com um olhar sensível `a diversidade humana.
Apesar do workshop utilizar o lazer e turismo como um cenário, os ensinamentos passados podem ser aplicados em qualquer área de nossa sociedade.

Informações

Locais do curso: Rua Vergueiro, 1421 - 12º andar - Paraíso, São Paulo/SP.
Edifício: Top Tower Offices
Data: 15 e 16 de abril de 2011 (2 dias de curso)
Horário: 09:00 `as 18:00 hs

Investimento

Estudantes: R$380,00
Profissionais: R$450,00
Obs.: Pagamento efetuado até dia 15/03 tem R$30,00 de desconto para
estudante ou profissional

Solicite sua ficha de inscrição e mais informações do programa do curso

tel. (11) 2225-1421



sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

CULTURA ACESSÍVEL

Audiodescrição e legenda oculta promovem a ida da pessoa com deficiência ao cinema no Rio de Janeiro.
Relação de filmes com audiodescrição que serão exibidos na Mostra CCBB no Rio nesse ano.

Programação:

- Fevereiro: O Bem Amado - dias 12 e 13
- Março: Proibido Proibir - dias 26 e 27
- Abril: Sonhos Roubados - dias 09 e 10
- Maio: Não se pode viver sem amor - dias 14 e 15
- Junho: É Proibido Fumar - dias 11 e 12
- Julho: Besouro - dias 09 e 10
- Agosto: Quincas Berro D’água - dias 13 e 14
- Setembro: 5 Vezes Favela - dias 10 e 11
- Outubro: O Grilo Feliz e os Insetos Gigantes - dias 08 e 09
- Novembro: Nosso Lar - dias 12 e 13
- Dezembro: Tropa de Elite 2 - dias 10 e 11


sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

DUCA NA REVISTA INCLUIR


Somos notícia do mês de jan/fev da Revista Incluir de 2011!
Considerada uma das principais revistas no segmento da pessoa com deficiência.
Trata a respeito de informação, orientação e discussão da sociedade, dos agentes públicos, de instituições que batalham e principalmente da luta dos próprios deficientes que precisam vencer as barreiras do dia dia.

A matéria tem o título: Arquitetura acessível em DISCUSSÃO
workshop debateu soluções em acessibilidade residencial e corporativa

Por: Belisa Frangione


"A DUCA surgiu com o objetivo de criar projetos realmente acessíveis. O que a gente via era uma legislação diversa e muitas vezes contraditória, o que deixava o profissional confuso na hora de aplicar e adaptar os espaços", explica o arquiteto e sócio da empresa, Frank Siciliano.

A primeira ação da empresa tem sido divulgar a necessidade de adaptações, em workshops e visitas em empresas e entidades, que vão além de oferecer serviços, e servem também para identificar quais adaptações foram realizadas anteriormente e se elas estão de acordo com as normas vigentes e com o Desenho Universal.

Leia abaixo a matéria na íntegra ou já está disponível nas bancas!





sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Lançamento: Rampa de Acesso para Pessoas com Mobilidade Reduzida


Foi lançado pela Cavenaghi uma rampa de acesso para pessoas com mobilidade reduzida para facilitar o acesso de cadeirantes a lugares com restrição, como automóveis mais altos, escadarias, etc.
Rampa portátil e telescópica, formato retrátil (rampa fechada 1,41m), que facilitam o manuseio e o transporte.
Além disso é um produto leve, feito de alumínio e seu peso total é de 9,5 kg.
Vale a pena conferir mais detalhes pelo site.

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

POR QUE ME ADAPTAR?

É importante se adequar, pois, hoje no Brasil temos mais de 29 milhões de pessoas com alguma deficiência.

Só em São Paulo mais de 1 milhão.

Além da responsabilidade social, temos lei de cotas, contribuir para melhorar o respeito à diversidade, promover a integração social, incentivar a inserção por meio do emprego, tornar o ambiente mais acessível mediante a eliminação de barreiras e cumprir as leis vigentes, Lei Federal, Estadual, Municipal e Normas Brasileiras.

Por que não se adequar?

Vamos contribuir para a promoção do Desenho Universal, mundo para todos!

Dando início as atividades de 2011...

Dando início as atividades de 2011, vimos que as cidades pelo Brasil começaram a se mobilizar em relação a acessibilidade e temos a certeza que será um ano com muitas ações, atitudes positivas e mobilização em cima do tema.
Segue abaixo a matéria que saiu em Canoas.

Biblioteca da Ulbra testa novo modelo de acessibilidade
Expansão do projeto-piloto para todo campus Canoas é meta do Ipesa até 2012.
Marcos Merker/ Da Redação



Canoas - A partir de um projeto de pesquisa criado, planejado e executado ao longo de 2010, a Ulbra quer se tornar referência no Estado como a universidade da acessibilidade. Valendo-se da instalação de piso tátil, tótens em braille e de guias metálicas e plásticas nos arredores da biblioteca do campus Canoas, a iniciativa permite que cegos e deficientes visuais sejam melhor orientados. De acordo com o diretor executivo do Instituto de Pesquisa em Acessibilidade (Ipesa), Ottmar Teske, a proposta teve a participação de funcionários e acadêmicos com deficiência, que contribuíram com informações a engenheiros da Ulbra e do laboratório de plásticos. Para a implantação do projeto-piloto, a Pró-reitoria de Pesquisa obteve R$ 30 mil junto ao Ministério da Ciência e Tecnologia. "Consolidar este projeto é o desafio até 2012", afirma Teske. A ideia é que o modelo seja implantado desde os pontos de ônibus até todos prédios do campus.

Orientação diferenciada

Para melhor orientação dos cegos na Ulbra, o projeto complementa as marcações de piso tátil na calçada com guias metálicas (nos trechos próximos de ruas com trânsito de veículos) e plásticas (nos acessos internos do campus). "Ao bater o bastão na guia, ele percebe a diferença do som", explica o diretor executivo do Ipesa, Ottmar Teske. Já os tótens de identificação em braille possuem ainda um equipamento de som integrado, acionado por um tipo de controle remoto pelos deficientes visuais, de forma a ouvirem uma mensagem com a localização. "A ideia é aprimorar para que isto ocorra de forma automática."

Ensino estimula inclusão

Além da acessibilidade arquitetônica do campus da Ulbra, materiais de uso do Ensino a Distância (EAD) e capacitações também são foco do trabalho do Ipesa, que desde 1995 desenvolve ações na universidade. O diretor executivo do instituto, Ottmar Teske, cita como resultado deste esforço a disciplina Sociologia da Acessibilidade, obrigatória para o curso de Ciências Sociais e que é optativa às demais graduações. A partir deste conteúdo, são oferecidos ainda cursos para funcionários e pessoas da comunidade aprenderem a abordar com cidadania as PCDs. Uma intenção do Ipesa é que livros do EAD possam conter áudios e textos em braile, por exemplo.